03/02/2012 - 16h34

Engenharia Química

notícia 0 comentários
Enviar por e-mail Imprimir Aumentar texto Diminuir texto Corrigir
Compartilhar

O que faz

O engenheiro químico pesquisa, desenvolve e opera processos que geram novos produtos
e tecnologias nas indústrias químicas. Ele trata da etapa de transformações químicas de
substâncias e matérias-primas, do aumento da produtividade e da redução de custos. Entre
possibilidades de atuação, esse engenheiro pode trabalhar ainda no desenvolvimento de novas
formas de energia e medicamentos.

Mercado de trabalho

Uma das áreas mais quentes é a petroquímica, onde na região Nordeste o estado da Bahia é a
melhor opção para atuar.

O setor farmacêutico é apontado como promissor, além das áreas de biotecnologia e de
plásticos, que estão em alta para os engenheiros químicos. Os campos de atuação mais
frequentes, além dos já citados, são os setores de papel e celulose, cosméticos, fertilizantes,
alimentos e bebidas, materiais de construção.

Curso

A grade nos primeiros semestres traz disciplinas obrigatórias de Cálculo, Química,
Programação, Física, Estatística. No decorrer do curso começam as aulas específicas, com
Processos Químicos e Operações Unitárias. Trabalha com conceitos aplicados aos processos
químicos, presentes em disciplinas como Fenômenos de Transporte e Termodinâmica.
Há a obrigatoriedade de Estágio, elaboração de Projeto Industrial e Trabalho Final. Há
uma crítica no campo acadêmico que a universidade foca em pesquisa e mostra menos
aplicabilidade na indústria.

Enviar por e-mail Imprimir Aumentar texto Diminuir texto Corrigir
Compartilhar

Facebook

Acompanhe Empregos e Carreiras no Facebook

Assine Já

O POVO Notícias | O Povo Empregos & Carreiras

  • Central de Relacionamento: +55 85 3254.1010